terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Jogo japonês que causou (e causa) polêmica ;s


Boa tarde, hoje resolvi falar sobre um jogo que causou uma grande polêmica, não só no Japão, como em todo o mundo. Uhn, mas por quê? Bem, esse jogo é chamado de Rapelay e como os outros jogos têm simulações, de partidas de futebol, guerras, histórias com fantasias, entre outros, porém, o que você acha de um jogo que trás simulações de ESTUPRO, ABORTO E PEDOFILIA?

O jogo começa em uma estação de metrô, onde o jogador encontra uma mulher e começa a molestá-la. Os estupros ocorrem primeiro no trem e depois em um parque da cidade. Se o criminoso conseguir fotografar a vítima nua e chorando, ele tem acesso às duas filhas da vítima e também as violenta e, depois, obriga todas a abortar. 
Esse jogo causou tanta polêmica que gerou ainda mais polêmica em grupos feministas em toda parte do mundo. Tiana Bien-Aime, do grupo feminista britânico Equality Now, ajudou a tirar RapeLay das prateleiras. “Um jogo como este não tem lugar no mercado”, disse Tiana.
Mas, quando começa a proibir algo, já sabe no que dá, não é? Fica mais popular, podemos dizer. É possível encontrar esse jogo em vários sites e às vezes até mesmo de graça. Jogos como este são famosos no Japão. São os chamados hentai games. Eles são facilmente encontrados em lojas de games e produtos eletrônicos no país. E quem pensa que isto é coisa recente, está enganado. Jogos como RapeLay são produzidos há anos, mas sem a internet, eles ficavam restritos aos japoneses. Agora, qualquer jogo é facilmente digitalizado e distribuído pela rede.
Curiosamente, existe uma legislação no Japão a respeito da pornografia – as genitálias ficam obscuras em qualquer tipo de conteúdo pornográfico, até mesmo em conteúdo animado. No entanto, não há nada que impeça ou limite a criação de jogos como RapeLay.
Contudo, será que os criadores de games não estão indo longe demais, desenvolvendo jogos como esse? 





Post by: Fafá (ADM).

Fonte: CNN.

12 comentários:

  1. Eca ! Que coisa mais doentia

    ResponderExcluir
  2. doentia, grotesca, nogenta, asquerosa isso sim!

    ResponderExcluir
  3. Não tem nem sentido criar algo como isso. Já vivemos em um mundo cheio de violência e hipocrisia! Eca!
    Ótimo post Fafá! ;3

    ResponderExcluir
  4. concordo com voc^ dinha e esses jogos mostrão essa hipocrisia

    ResponderExcluir
  5. eu joguei e achei foda!

    ResponderExcluir
  6. Eu acho que o jogo nao deveria ser banido... Todo mundo fica falando que o jogo vai influenciar as pessoas... Mais nao! O mundo ja tem muitas influencias e so ligar a tv... E alem disso para um adulto formado nao tem poblema , e a mesma coissa de filmes com estrupo , violencia e pedofelia...

    ResponderExcluir
  7. concordo que esse jogo é hipócrita e asqueroso
    mas
    depende de quem joga afinal esta destinado ao publico adulto
    enquanto a influencias
    encontramos em todos lugares como tv, internet etc...
    e apoio a opnião acima!!!

    ResponderExcluir
  8. eu achei fantastico, perfeito amei

    ResponderExcluir
  9. Horrível, doentio e muito +!
    Agora eu sei pq foi proibido na Europa!

    ResponderExcluir
  10. isso de proibir só trouxe mais divulgação para o jogo que por sinal é excelente...recomendo a todos...

    ResponderExcluir
  11. Não vejo problema alias é um jogo... pessoas com pensamento formado não se influenciariam

    ResponderExcluir