sexta-feira, 27 de maio de 2011

Biografia Jasmine

Asumi Murakami, ou, como no mundo artístico é chamada, Jasmine, nasceu em Tóquio no dia 19 de maio de 1989. É uma cantora de R&B/pop/soul. Aos 13 anos, Jasmine assistiu a uma apresentação de um coral em uma base militar americana em Yokota, e então, a partir deste momento, ela decidiu que queria seguir carreira na música. Quando ainda estava na oitava série, decidiu sair da escola e foi atrás do seu sonho, e, assim sendo, no ano seguinte, participou de uma audição da SONY MUSIC, na qual acabou por ser contratada.
O primeiro sucesso da cantora foi o single “sad to say”. A faixa-título fez um grande sucesso e tornou Jasmine a primeira artista a alcançar o topo do ranking da RIAJ (Recording Industry Association of Japan) sem ter sua estreia oficial, sendo ela no dia 24 de junho de 2009. Jasmine escreveu suas próprias canções desde o início e fez todas as promoções de sua pré-estreia somente pelo rádio. Jasmine foi rotulada pela mídia oriental como a próxima Utada Hikaru, e ela mesma ja se declarou fã de Utada e também confirmou que ela seria uma forte influência em suas músicas.
No dia 25 de outubro de 2009, Jasmine fez sua primeira apresentação pública na Saitama Super Arena como convidada especial do cantor norte-americano Ne-yo.
O primeiro single da cantora, lançado no dia 24 de junho de 2009, foi nomeado de “sad to say” e ficou no oitavo lugar no ranking da Oricon, e é um estilo mais R&B. Ele permaneceu no ranking da Oricon por várias semanas e também atingiu o primeiro lugar em diversos outros rankings japoneses. Confira abaixo a tracklist do primeiro single da cantora.


  1. Sad To Say
  2. i’m in luv wit u [1989 remix]
  3. Koi
  4. i’m in luv wit u [laid back remix]

O segundo single foi lançado dia 28 de outubro de 2009 e foi intitulado de “No more” e, diferente do primeiro, alcançou a 15ª posição no Oricon, vendendo 8233 cópias. Em minha opinião, esse single da Jasmine foi um single relativamente mais fraco que o seu primeiro, tendo apenas a faixa-título envolvente e se tornando um possível vício. Vale lembrar que isso irá ocorrer em todos os seus singles: apenas a faixa título é impactante, todavia, continuemos.
O terceiro single da nossa diva do R&B japonês foi uma edição limita para vender apenas 10.000 cópias lançado no dia 3 de março de 2010. Dessa vez, intitulado de “This Is Not a Game” contendo apenas duas faixas. O single ficou infelizmente na 23ª posição no ranking Oricon e vendeu apenas 4.636 cópias. A canção foi utilizada como tema de abertura do NTV’s Music Fighter do mesmo mês do lançamento do single. Continuando em 2010, no dia 7 do mês seguinte ela lançou o seu single “Jealous”, que não foi muito diferente de seus últimos lançamentos: alcançou a 20ª posição no Oricon e vendeu apenas 3.836. Vale lembrar que “Jealous” novamente foi um single de edição limitada a vender apenas 10.000 cópias.
Apesar das belas canções de Jasmine, elas não conseguem “alcançar” o público. Para a infelicidade da cantora, seu single “Dreamin” lançado no dia 12 de maio de 2010, alcançou a pior colocação de seus lançamentos no ranking da Oricon, ficando na 38ª posição e vendendo apenas 5.503 mil cópias. O single, em si, é relativamente mais calmo, as faixas musicais são mais tranquilas do que suas canções posteriores, como por exemplo, “This Is Not a Game”.
No dia 21 de julho, ainda de 2010, Jasmine dá a volta por cima superando até mesmo seu primeiro single “Sad to say” ficando na terceira posição do ranking da Oricon com seu álbum GOLD, vendendo mais de 49.914 mil cópias. Confira a tracklist do álbum da diva do R&B:


  1. PRIDE
  2. sad to say
  3. L.I.P.S.
  4. Jealous
  5. Bad Girl
  6. dear my friend
  7. stage ~interlude~
  8. This Is Not A Game
  9. CLUBBIN’
  10. Koi
  11. what you want?
  12. No More
  13. Dreamin’
  14. Why
 
Infelizmente, a nossa diva não conseguiu manter sua boa posição nos rankings em 2011 e, no lançamento de seu álbum ONE no dia 3 de fevereiro, despencou, vendendo apenas 2.430 mil cópias e alcançando a 32ª posição na Oricon.
Posso confessar que a criatividade das roupas que Jasmine usa é algo que me fascina, são absurdamente criativas e marcantes. Bom, é claro que Jasmine é uma cantora promissora, possui uma boa base de fãs e, assim como outros cantores, está no inicio de sua carreira. E existem várias expectativas sobre ela, visto que ser rotulada como “próxima Utada Hikaru” não é algo comum, não é mesmo?


Fonte: RADIO BLAST
infelizmente não achei a autora da materia ): queria postar o nome dela aqui ):










Post By: Mymy-Sama (ADM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário